quinta-feira, 22 de junho de 2017

COISA FEIA VEREADOR QUERENDO PEGAR CARONA

Depois da professora Alessandra Babetto, uma pessoa íntegra, que acompanho sempre em trabalhos sóciais, pessoa que realmente luta pelas crianças, pelas mulheres e idosos postar um texto que teve mais de 300 compartilhamentos , de jogar na rede o descaso com a violência da mulher em Colombo, vários Edil Vereadores tentaram pegar carona na postagem ( plágio é crime) falta de criatividade não.
Mas oque mais chamou atenção foi a do senhor Anderson prego, que atualmente é oposição, e que tem sido muito elogiado por suas atitudes. É feio vereador pegar carona e nem dividir a gasolina.
Prestem atenção nas datas de postagem da Prof, dia 14 e do Vereador em questão dia 20,sendo que no dia 20 o face da prof já bombava com várias outras postagens e pedidos de socorro das mulheres agredidas em Colombo.
Segue anexos abaixo

sexta-feira, 16 de junho de 2017

So observando.....

    

Na manhã desta quinta-feira (15) um grupo de vereadores da base aliada da prefeita Beti Pavin (PSDB) esteve no Pronto Atendimento do Alto Maracanã para “conscientizar” a população de que os maiores culpados pela GREVE GERAL DOS MÉDICOS DE COLOMBO é a própria classe . Pasmem!!!

A turma de edis liderada por Thiago de Jesus (PRB) , Élcio do Aviário (PSDB) , Marcos Dumonte (PEN) e Issa Paixão (PTB) , não percebeu ainda , que quem representa o povo são eles , foram eleitos para defender os interesses da população , essa mesma população que está sofrendo faz mais de quatro de anos com descaso e a incompetência da Prefeitura com as demandas do setor , como:  falta de remédios , equipamentos sucateados , falta de UBS e UPAS , corte de pessoal drástica de pessoal na área , sem secretário saúde capaz de gerenciar as diversas crises que estão acontecendo desde de 2014 , e uma politica salarial para os profissionais que lidam com o bem mais básico do “populacho”, A SAÚDE !

Quando na eleição de 2016 essa gente foi para rua defender a candidatura de Beti Pavin e as suas , sabiam que o papel de vereador na politica é fiscalizar as ações do executivo e defender  as causas do povão . Eles sabiam muito bem em que pé estava o setor ao se candidatarem , e por certo fizeram a famigerada promessa , “quando eu entrar lá , eu vou cobrar melhorias” , cobram nada ! São subservientes , verdadeiros cordeiros do executivo , tanto que antes de cada sessão  tem que consultar a ´prefeita sobre aquilo que vão deliberar , para ver se ela aprova! Todos submissos!

A classe politica no Brasil vive um momento de degradação ética e moral , e essa gente que hoje foi ao PA do Alto Maracanã são o simbolo dessa onda de falta de bom senso , e falta de respeito com o eleitor .

Por que eles não publicam o valor de seus polpudos salários e esfregam na cara do eleitor ? Enquanto um especialista médico ganha cerca de R$3,900 para trabalhar 12 horas na semana , em regime de plantão , essa galera recebe R$ 13,000 por mês , fora as regalias que a função do cargo lhes concede.

Tentar colocar o povo contra a greve é fazer o jogo de quem está no poder executivo ,  que está avacalhado e desmoralizado , é defender o bandido e não a vitima. Essa mesma turma , que nos bastidores do poder vive pedindo para que a prefeita  arrume mais cargos de comissão para seus amigos , e com salário de médicos, é um escárnio para Colombo.

Na próxima terça-feira (20) vão querer dar um golpe nos coitados do servidores municipais , quando deve entrar em votação os projetos de lei do executivo 007 e 008 , que simplesmente retira direitos adquiridos dos trabalhadores para no futuro terceirizar serviços e encher os bolsos dos empresários de dinheiro, com o processo de terceirização .

Já deu para ver aquilo que teremos de aguentar por mais três anos e meio ,né?! Então é hora de cobrar dessa galera , já!

quinta-feira, 15 de junho de 2017

VIOLENCIA DOMESTICA TEM QUE ACABAR

[15/6 11:15] #MAURO MESSIAS ,MAURÃO MESSIAS: Como denunciar
A denúncia de violência doméstica pode ser feita em qualquer delegacia, com o registro de um boletim de ocorrência, ou pela Central de Atendimento à Mulher (Ligue 180), serviço da Secretaria de Políticas para as Mulheres. A denúncia é anônima e gratuita, disponível 24 horas, em todo o país.
[15/6 11:37] Alessandra Colombo: Não é o meu aniversário ou nenhum outro dia especial; tivemos a nossa primeira discussão ontem à noite e ele me disse muitas coisas cruéis que me ofenderam de verdade. Mas sei que está arrependido e não as disse a sério, porque ele me enviou flores hoje. E não é o nosso aniversário ou nenhum outro dia especial.
  Ontem ele atirou-me contra a parede e começou a asfixiar-me. Parecia um pesadelo, mas dos pesadelos acordamos e sabemos que não são reais. Hoje acordei cheia de dores e com golpes em todos lados. Mas eu sei que ele está arrependido, porque me enviou flores hoje. E não é Dia dos Namorados ou nenhum outro dia especial.
Ontem à noite bateu-me e ameaçou matar-me. Nem a maquiagem ou as mangas compridas poderiam ocultar os cortes e golpes que me ocasionou desta vez. Não pude ir ao emprego hoje porque não queria que percebessem. Mas eu sei que está arrependido porque ele me enviou flores hoje. E não era Dia das Mães ou nenhum outro dia especial.
Ontem à noite ele voltou a bater-me, mas desta vez foi muito pior. Se conseguir deixá-lo, o que é vou fazer? Como poderia eu sozinha manter os meus filhos? O que acontecerá se faltar o dinheiro? Tenho tanto medo dele! Mas dependo tanto dele que tenho medo de o deixar. Mas eu sei que está arrependido, porque ele me enviou flores hoje.
  Hoje é um dia muito especial: É o dia do meu funeral. Ontem finalmente conseguiu matar-me. Bateu-me até eu morrer. Se ao menos eu tivesse tido a coragem e a força para o deixar... Se tivesse pedido ajuda profissional... Hoje não teria recebido flores!
Por uma vida sem violência !!
Meninas quem ler dá up na mensagem e COMPARTILHEM   para criar consciência ...  Mulheres que sofrem agressões não se calem .
#MaisAmorPorFavor
#MenosMachismo!
#ViolenciaÉcrime!
#ChegaDesseMal
#ChegaDeMedo
#NaoSeCalem

sábado, 27 de maio de 2017

Vai aqui uma retratação do Senhor Fernando , responsável pelo Box XV.
Me deixou muito feliz, em conhecer sua pessoa educada e consciente. No mesmo dia da nossa postagem o mesmo retirou a propaganda.
Eu Professora Alessandra venho em nome de todos os Colombenses e usuários da Estrada da Ribeira ,agradecer por nós atender prontamente.
"Ola, sou o responsável pelo Box 15 Hortifruti, pode ter certeza q não irá se repetir essa situação. No intuito de informar e tentar driblar toda essa crise nas vendas acabamos por provocar um transtorno, mais não é nossa intenção."
Fernando Severo
O Box XV da estrada da Ribeira, coloca está propaganda tampando totalmente a visão de quem sai da Recapadora trevo , é da rua que dá acesso ao terminal Maracanã.
É impossível ver os carros que sobem a Ribeira sentido Bairro.
E aí vai ficar como ?
Vão esperar acontecer um acidente ali no local.
Professora Alessandra Babetto.

sexta-feira, 26 de maio de 2017

OLHA A PROFICIA POLITICA

18 de maio

maio 18, 2017 4:41 pm

por Marcelo Calero

Há exatos seis meses, deixava o Ministério da Cultura. A razão todos bem sabem: escolhi o lado da lei e atuei segundo os princípios republicanos. Não aceitei intervir em um órgão federal para atender a interesses particulares.

O que me parecia um comportamento esperado foi alvo de questionamento por parte da minha chefia. A partir dali, entendi as razões dos que me aconselhavam a me proteger. Afinal, quem acreditaria na palavra de um jovem servidor público, que ousou desafiar os “tubarões”? Minha incredulidade diante de um pedido absurdo hoje é, novamente, compartilhada por todo o país.

A classe política se uniu na tentativa de destruir minha reputação. Geddel procurou enquadrar tudo dentro de uma normalidade que eu não havia compreendido porque era “doce”. Aécio Neves pediu que eu fosse investigado. Rodrigo Maia disse que eu havia enlouquecido. Temer – que admitira sua atuação no caso e chegou a sugerir que eu havia me “confundido” – classificou minha conduta como “gravíssima” e me apontou “indigno”.

Exatos seis meses depois, entendemos de maneira ainda mais clara não apenas a razão dessa ferocidade, mas, especialmente, o modus operandi de nossa triste e ultrapassada elite política. Elite que atua como máfia, que não admite alguém que não compactua com seu pacto de silêncio e que não lhe é cúmplice. Elite podre, nojenta, abjeta, com suas práticas que nos desgraçam, ferem de morte. Elite que precisa, urgentemente, ser superada.

Temos que encarar esses tempos sombrios como a chance de um recomeço, a chance de uma refundação de nossa república. Uma república em que prevaleça a boa política, o embate de ideias, a composição de legítimos interesses sociais, a busca do bem comum e não o compadrio, a apropriação da coisa pública, o tráfico de influência, a corrupção. Basta.

É chegada a hora de refundar o Brasil. É chegado o momento de uma nova geração, com novos valores, novos objetivos. É chegada a hora de pessoas que não vejam a política como profissão, como o poder a qualquer preço, como modo de enriquecer ou produzir negócios escusos, mas a entendam como genuína vocação para trabalhar em favor da democracia, em seu sentido mais amplo.

Partiu reconstrução?

Marcelo Calero é diplomata.

Os textos refletem a opinião do autor e não, necessariamente, do Partido Novo.

Categorizados em: Guestposts

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Cohab revende imóveis tomados de mutuários que não pagavam parcelas



A Companhia de Habitação (Cohab) de Londrina ingressou em 2017 com mais de cem ações judiciais de reintegração de posse de imóveis com parcelas em atraso. Destas ações, cinco imóveis já foram reintegrado e renegociados com mutuários que estavam na fila e outros dez estão em processo de reintegração.

O presidente da Cohab, Marcelo Cortez, diz que assumiu a companhia com um índice de inadimplência de 44% dos contratos. Ainda de acordo com ele, entre os anos de 2013 a 2016, a companhia teria ingressado com 247 ações de cobrança, o que, na avaliação dele, pode ter incentivado o crescimento da inadimplência.

Para tentar reduzir as perdas, o prefeito Marcelo Belinati (PP) assinou decreto permitindo a renegociação dos débitos, com uma entrada mais párcelas que poderiam se estender por 300 meses. Mesmo assim, conta Cortez, foram poucos os que aderiram à proposta. A vigência do decreto termina na próxima quinta-feira (1º de junho).


"Nós estamos reintegrando os imóveis e renegociando com quem está na fila, que também têm o sonho da casa própria", explica o presidente. A fila da Cohab para obtenção de um imóvel popular chega a 77 mil inscritos. Antes de iniciar o processo de reintegração, a Cohab executou um processo de conscientização sobre a necessidade de negociar os débitos e fez cobranças extrajudiciais. "Parece uma medida cruel, mas demos todas as oportunidades para regularizarem as contas. Os imóveis da Cohab já têm valor abaixo do mercado, agora, precisamos acabar com a cultura de que não precisa pagar porque não retomamos as casas", afirma Cortez.

A renegociação dos imóveis reintegrados é feita de acordo com a ordem cronológica da fila de inscritos e com a renda familiar. Por isso, Cortez ressalta a importância de atualização dos dados, que pode ser feito tanto na sede da companhia quanto no site da Cohab.
Luís Fernando Wiltemburg - Redação Bonde

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Trabalho social na cidade de Colombo

Boa Tarde!!!
Fiquei muito feliz em ver que a comunidade do jardim Osasco e regiões próximas se manifestaram no  facebook: pedem que a ONG retorne  e muitos querem, não apenas a volta, como também ajudar. Só assim percebo que nosso trabalho está fazendo falta nessas regiões.
Hoje, conversando com o contador, descobri que a ONG OSDI será restruturada. Assim, gostaria de saber quem quer fazer parte  da chapa, para que possamos reativar e colocar ela para funcionar. Será de grande importância  a reabertura, uma vez que irá ajudar muitas pessoas.